FGV Jr.

Planejamento e Controle Financeiro: Saiba qual sua importância para uma empresa

        O gerenciamento eficaz de uma empresa e, consequentemente o seu sucesso, requer um adequado Planejamento e Controle Financeiro. Uma boa estratégia de Planejamento e Controle Financeiro significa que a empresa terá uma orientação proativa e analítica para justificar os custos operacionais, a viabilidade do investimento e a alocação de custos. A boa gestão da empresa também depende da transparência das decisões e da estrutura e clareza em torno das finanças. O que também é proporcionado pelo Planejamento e Controle Financeiro. Continue com a gente e veja o que é o Planejamento e Controle Financeiro e qual a importância dessa área para sua empresa.  

controle financeiro

O que é o Planejamento e Controle Financeiro

O Planejamento e Controle Financeiro pode ser definido como um conjunto de estratégias que envolve todo o processo de gestão financeira de um negócio. Estratégias que são iniciadas no planejamento na forma de fluxo financeiro e previsão de balanço.

Com o Planejamento e Controle Financeiro é possível analisar e promover pontos do negócio como:

     Transparência: no orçamento, controle e faturamento;

     Viabilidade financeira: Com estudos de viabilidade prévios, contínuos e posteriores no desenvolvimento de projetos;

     Direção financeira: orienta o portfólio de serviços e planejamento estratégico, fornecendo informações sobre a alocação correta de recursos e valor comercial dos serviços em andamento para justificar investimentos ou aposentadoria de serviços.

 

Vale lembrar que a gestão financeira não deve ser vista apenas como uma função operada pelo setor financeiro da empresa. Para ser eficaz, ela exige contribuições colaborativas dos vários setores, especialmente o de tecnologia.

Passos para construir o Planejamento e Controle Financeiro

Todo mercado naturalmente possui empreendedores dos mais variados tamanhos, desde microempresários a multinacionais. As empresas que concentram porcentagens maiores de mercado são considerados os maiores players. Nesse sentido, observar as ações, técnicas e estratégias desses grandes negócios é uma ótima maneira de entender as demandas de mercado. Afinal, essas grandes empresas tendem a investir muito mais em pesquisas de mercado e produzem produtos e serviços inovadores com base nos resultados desses estudos. Por fim, grandes players possuem mais capital para arriscar e por isso tendem a lançar mais produtos. Nesse sentido, observar quais estão indo bem e quais estão indo mal é um ótimo indicador das demandas do público.

1. Ouvir

Focar nos objetivos, desejos e sonhos da empresa.

2. Analisar

Organizar e realizar uma análise de dados para preparar um plano.

3. Planejar

Crie um plano que melhor se adapte às necessidades do seu negócio e dos seus clientes.

4. Implementar

Desenvolvimento de estratégias e métodos para implementação de plano de investimento para uma empresa.

5. Controlar e Monitorar

Desenvolver estratégias para verificar periodicamente se uma forma de organização ou configurações funcionam bem para identificar possíveis melhorias.

Lembrando que esse é um processo cíclico que deve ser realizado a cada período determinado ou a cada novo projeto.


Importância do Planejamento e Controle Financeiro

A implementação do Planejamento e Controle Financeiro, pode trazer uma série de benefícios para sua empresa. Dentre os principais podemos citar:

1. Clareza nos objetivos e metas financeiras

        Desde o início, você deve estabelecer uma necessidade real para sua empresa e os meios para atender essa necessidade. Isso também é conhecido como “ajuste de produto/mercado”. Para muitas empresas, os primeiros anos podem ser dedicados a construir um produto e estabelecer esse ajuste de produto/mercado. Portanto, este seria seu objetivo principal de um a dois anos, com pontos de verificação ao longo do caminho. A cada ciclo, esses objetivos devem ser avaliados e adequados às novas
necessidades. 

 

2. Gestão eficiente do fluxo de caixa

        Seu planejamento financeiro também deve definir expectativas claras para o fluxo de caixa, assim como as formas de monitorá-lo. Isso se torna mais fácil com a ajuda de especialistas em finanças. Ao fazer seu planejamento, você pode antecipar os desafios tanto para ganhar quanto para gastar seus recursos , e identificar maneiras de fazer as duas coisas de forma mais eficaz. 

 

3. Alocação inteligente do orçamento

        A empresa tem seu orçamento geral, essencialmente sua “taxa de queima” para cada trimestre ou ano. Este, por sua vez, é dividido por setores específicos, como desenvolvimento de produtos, marketing, suporte ao cliente etc. Um planejamento de orçamento  deve se basear em uma grande quantidade de detalhes. Todos os custos, as receitas e as despesas de cada setor precisam ser devidamente destrinchados. Depois de dividir cada orçamento, é relativamente simples ficar de olho em quem está gastando o quê. 

 

 

4. Reduções de custos

        Além de definir quanto você pode gastar (e em quê), um plano financeiro também permite identificar as economias com antecedência. Ao analisar seu orçamento, você observa os custos anteriores e identifica se houveram custos desnecessários ao longo do caminho. E então, para o orçamento do próximo ano, você simplesmente ajusta de acordo. Esse esforço consciente faz parte do controle de gastos , a prática de manter as despesas da empresa alinhadas com suas expectativas. Assim, uma revisão trimestral ou anual quase sempre revela áreas onde você pode economizar e usar melhor os recursos.

5. Mitigação de riscos e gerenciamento de crises

        Um papel crucial do planejamento e controle financeiro é ajudar as empresas a prever e evitar os riscos, como as crises. Ele deve prever reservas para despesas extras, perdas por ineficiências, ajustes arriscados e, se possível,  recursos para reservas antecipadas. O ponto é ter planos de contingência em vigor e tentar determinar como seu roteiro muda se você crescer apenas 20% no próximo trimestre em vez de 30% (ou 50%). Não há razão para exagerar, mas você pode encontrar áreas de risco dentro do negócio e também considerar suas melhores respostas se as coisas derem errado.

6. Maior facilidade para arrecadar fundos

        Um planejamento financeiro que fale com os investidores é fundamental, e quanto melhor for seu histórico de planejamento, maior a probabilidade deles confiarem em suas projeções. Portanto, você pode buscar ou não fundos , mas um plano financeiro é sempre importante para se manter atualizado.

7. Estabelece um roteiro de crescimento

Um Planejamento Financeiro ajudará você a analisar sua situação atual e a projetar onde deseja que o negócio esteja no futuro. Isto inclui, por exemplo: os mercados em que você gostaria de estar presente, o número de funcionários que você terá, os produtos ou serviços que você espera desenvolver, entre outros.

Reserve um tempo para definir o tamanho que você espera que a empresa atinja, suas despesas com uma empresa maior e o valor da receita que será compensada. Se por um lado, você terá que pensar em mais investimentos, por outro terá mais chances de alcançar a posição desejada.

Portanto, defina essas metas de crescimento agora, e você poderá avaliar à medida que avança.

Sua empresa ainda não implementou um Planejamento e Controle Financeiro? Saiba que você pode fazer isso da melhor forma com uma consultoria especializada.Para saber mais, consulte os serviços de assessoria da FGV Jr.

Planejamento e Controle Financeiro: Saiba qual sua importância para uma empresa

        O gerenciamento eficaz de uma empresa e, consequentemente o seu sucesso, requer um adequado Planejamento e Controle Financeiro. Uma boa estratégia de Planejamento e Controle Financeiro significa que a empresa terá uma orientação proativa e analítica para justificar os custos operacionais, a viabilidade do investimento e a alocação de custos. A boa gestão da empresa também depende da transparência das decisões e da estrutura e clareza em torno das finanças. O que também é proporcionado pelo Planejamento e Controle Financeiro. Continue com a gente e veja o que é o Planejamento e Controle Financeiro e qual a importância dessa área para sua empresa.  

controle financeiro

O que é o Planejamento e Controle Financeiro

O Planejamento e Controle Financeiro pode ser definido como um conjunto de estratégias que envolve todo o processo de gestão financeira de um negócio. Estratégias que são iniciadas no planejamento na forma de fluxo financeiro e previsão de balanço.

Com o Planejamento e Controle Financeiro é possível analisar e promover pontos do negócio como:

     Transparência: no orçamento, controle e faturamento;

     Viabilidade financeira: Com estudos de viabilidade prévios, contínuos e posteriores no desenvolvimento de projetos;

     Direção financeira: orienta o portfólio de serviços e planejamento estratégico, fornecendo informações sobre a alocação correta de recursos e valor comercial dos serviços em andamento para justificar investimentos ou aposentadoria de serviços.

 

Vale lembrar que a gestão financeira não deve ser vista apenas como uma função operada pelo setor financeiro da empresa. Para ser eficaz, ela exige contribuições colaborativas dos vários setores, especialmente o de tecnologia.

Passos para construir o Planejamento e Controle Financeiro

Todo mercado naturalmente possui empreendedores dos mais variados tamanhos, desde microempresários a multinacionais. As empresas que concentram porcentagens maiores de mercado são considerados os maiores players. Nesse sentido, observar as ações, técnicas e estratégias desses grandes negócios é uma ótima maneira de entender as demandas de mercado. Afinal, essas grandes empresas tendem a investir muito mais em pesquisas de mercado e produzem produtos e serviços inovadores com base nos resultados desses estudos. Por fim, grandes players possuem mais capital para arriscar e por isso tendem a lançar mais produtos. Nesse sentido, observar quais estão indo bem e quais estão indo mal é um ótimo indicador das demandas do público.

1. Ouvir

Focar nos objetivos, desejos e sonhos da empresa.

2. Analisar

Organizar e realizar uma análise de dados para preparar um plano.

3. Planejar

Crie um plano que melhor se adapte às necessidades do seu negócio e dos seus clientes.

4. Implementar

Desenvolvimento de estratégias e métodos para implementação de plano de investimento para uma empresa.

5. Controlar e Monitorar

Desenvolver estratégias para verificar periodicamente se uma forma de organização ou configurações funcionam bem para identificar possíveis melhorias.

Lembrando que esse é um processo cíclico que deve ser realizado a cada período determinado ou a cada novo projeto.


Importância do Planejamento e Controle Financeiro

A implementação do Planejamento e Controle Financeiro, pode trazer uma série de benefícios para sua empresa. Dentre os principais podemos citar:

1. Clareza nos objetivos e metas financeiras

        Desde o início, você deve estabelecer uma necessidade real para sua empresa e os meios para atender essa necessidade. Isso também é conhecido como “ajuste de produto/mercado”. Para muitas empresas, os primeiros anos podem ser dedicados a construir um produto e estabelecer esse ajuste de produto/mercado. Portanto, este seria seu objetivo principal de um a dois anos, com pontos de verificação ao longo do caminho. A cada ciclo, esses objetivos devem ser avaliados e adequados às novas
necessidades. 

 

2. Gestão eficiente do fluxo de caixa

        Seu planejamento financeiro também deve definir expectativas claras para o fluxo de caixa, assim como as formas de monitorá-lo. Isso se torna mais fácil com a ajuda de especialistas em finanças. Ao fazer seu planejamento, você pode antecipar os desafios tanto para ganhar quanto para gastar seus recursos , e identificar maneiras de fazer as duas coisas de forma mais eficaz. 

 

3. Alocação inteligente do orçamento

        A empresa tem seu orçamento geral, essencialmente sua “taxa de queima” para cada trimestre ou ano. Este, por sua vez, é dividido por setores específicos, como desenvolvimento de produtos, marketing, suporte ao cliente etc. Um planejamento de orçamento  deve se basear em uma grande quantidade de detalhes. Todos os custos, as receitas e as despesas de cada setor precisam ser devidamente destrinchados. Depois de dividir cada orçamento, é relativamente simples ficar de olho em quem está gastando o quê. 

 

 

4. Reduções de custos

        Além de definir quanto você pode gastar (e em quê), um plano financeiro também permite identificar as economias com antecedência. Ao analisar seu orçamento, você observa os custos anteriores e identifica se houveram custos desnecessários ao longo do caminho. E então, para o orçamento do próximo ano, você simplesmente ajusta de acordo. Esse esforço consciente faz parte do controle de gastos , a prática de manter as despesas da empresa alinhadas com suas expectativas. Assim, uma revisão trimestral ou anual quase sempre revela áreas onde você pode economizar e usar melhor os recursos.

5. Mitigação de riscos e gerenciamento de crises

        Um papel crucial do planejamento e controle financeiro é ajudar as empresas a prever e evitar os riscos, como as crises. Ele deve prever reservas para despesas extras, perdas por ineficiências, ajustes arriscados e, se possível,  recursos para reservas antecipadas. O ponto é ter planos de contingência em vigor e tentar determinar como seu roteiro muda se você crescer apenas 20% no próximo trimestre em vez de 30% (ou 50%). Não há razão para exagerar, mas você pode encontrar áreas de risco dentro do negócio e também considerar suas melhores respostas se as coisas derem errado.

6. Maior facilidade para arrecadar fundos

        Um planejamento financeiro que fale com os investidores é fundamental, e quanto melhor for seu histórico de planejamento, maior a probabilidade deles confiarem em suas projeções. Portanto, você pode buscar ou não fundos , mas um plano financeiro é sempre importante para se manter atualizado.

7. Estabelece um roteiro de crescimento

Um Planejamento Financeiro ajudará você a analisar sua situação atual e a projetar onde deseja que o negócio esteja no futuro. Isto inclui, por exemplo: os mercados em que você gostaria de estar presente, o número de funcionários que você terá, os produtos ou serviços que você espera desenvolver, entre outros.

Reserve um tempo para definir o tamanho que você espera que a empresa atinja, suas despesas com uma empresa maior e o valor da receita que será compensada. Se por um lado, você terá que pensar em mais investimentos, por outro terá mais chances de alcançar a posição desejada.

Portanto, defina essas metas de crescimento agora, e você poderá avaliar à medida que avança.

Sua empresa ainda não implementou um Planejamento e Controle Financeiro? Saiba que você pode fazer isso da melhor forma com uma consultoria especializada.Para saber mais, consulte os serviços de assessoria da FGV Jr.

Planejamento e Controle Financeiro: Saiba qual sua importância para uma empresa

        O gerenciamento eficaz de uma empresa e, consequentemente o seu sucesso, requer um adequado Planejamento e Controle Financeiro. Uma boa estratégia de Planejamento e Controle Financeiro significa que a empresa terá uma orientação proativa e analítica para justificar os custos operacionais, a viabilidade do investimento e a alocação de custos. A boa gestão da empresa também depende da transparência das decisões e da estrutura e clareza em torno das finanças. O que também é proporcionado pelo Planejamento e Controle Financeiro. Continue com a gente e veja o que é o Planejamento e Controle Financeiro e qual a importância dessa área para sua empresa.  

controle financeiro

O que é o Planejamento e Controle Financeiro

O Planejamento e Controle Financeiro pode ser definido como um conjunto de estratégias que envolve todo o processo de gestão financeira de um negócio. Estratégias que são iniciadas no planejamento na forma de fluxo financeiro e previsão de balanço.

Com o Planejamento e Controle Financeiro é possível analisar e promover pontos do negócio como:

     Transparência: no orçamento, controle e faturamento;

     Viabilidade financeira: Com estudos de viabilidade prévios, contínuos e posteriores no desenvolvimento de projetos;

     Direção financeira: orienta o portfólio de serviços e planejamento estratégico, fornecendo informações sobre a alocação correta de recursos e valor comercial dos serviços em andamento para justificar investimentos ou aposentadoria de serviços.

 

Vale lembrar que a gestão financeira não deve ser vista apenas como uma função operada pelo setor financeiro da empresa. Para ser eficaz, ela exige contribuições colaborativas dos vários setores, especialmente o de tecnologia.

Passos para construir o Planejamento e Controle Financeiro

Todo mercado naturalmente possui empreendedores dos mais variados tamanhos, desde microempresários a multinacionais. As empresas que concentram porcentagens maiores de mercado são considerados os maiores players. Nesse sentido, observar as ações, técnicas e estratégias desses grandes negócios é uma ótima maneira de entender as demandas de mercado. Afinal, essas grandes empresas tendem a investir muito mais em pesquisas de mercado e produzem produtos e serviços inovadores com base nos resultados desses estudos. Por fim, grandes players possuem mais capital para arriscar e por isso tendem a lançar mais produtos. Nesse sentido, observar quais estão indo bem e quais estão indo mal é um ótimo indicador das demandas do público.

1. Ouvir

Focar nos objetivos, desejos e sonhos da empresa.

2. Analisar

Organizar e realizar uma análise de dados para preparar um plano.

3. Planejar

Crie um plano que melhor se adapte às necessidades do seu negócio e dos seus clientes.

4. Implementar

Desenvolvimento de estratégias e métodos para implementação de plano de investimento para uma empresa.

5. Controlar e Monitorar

Desenvolver estratégias para verificar periodicamente se uma forma de organização ou configurações funcionam bem para identificar possíveis melhorias.

Lembrando que esse é um processo cíclico que deve ser realizado a cada período determinado ou a cada novo projeto.


Importância do Planejamento e Controle Financeiro

A implementação do Planejamento e Controle Financeiro, pode trazer uma série de benefícios para sua empresa. Dentre os principais podemos citar:

1. Clareza nos objetivos e metas financeiras

        Desde o início, você deve estabelecer uma necessidade real para sua empresa e os meios para atender essa necessidade. Isso também é conhecido como “ajuste de produto/mercado”. Para muitas empresas, os primeiros anos podem ser dedicados a construir um produto e estabelecer esse ajuste de produto/mercado. Portanto, este seria seu objetivo principal de um a dois anos, com pontos de verificação ao longo do caminho. A cada ciclo, esses objetivos devem ser avaliados e adequados às novas
necessidades. 

 

2. Gestão eficiente do fluxo de caixa

        Seu planejamento financeiro também deve definir expectativas claras para o fluxo de caixa, assim como as formas de monitorá-lo. Isso se torna mais fácil com a ajuda de especialistas em finanças. Ao fazer seu planejamento, você pode antecipar os desafios tanto para ganhar quanto para gastar seus recursos , e identificar maneiras de fazer as duas coisas de forma mais eficaz. 

 

3. Alocação inteligente do orçamento

        A empresa tem seu orçamento geral, essencialmente sua “taxa de queima” para cada trimestre ou ano. Este, por sua vez, é dividido por setores específicos, como desenvolvimento de produtos, marketing, suporte ao cliente etc. Um planejamento de orçamento  deve se basear em uma grande quantidade de detalhes. Todos os custos, as receitas e as despesas de cada setor precisam ser devidamente destrinchados. Depois de dividir cada orçamento, é relativamente simples ficar de olho em quem está gastando o quê. 

 

 

4. Reduções de custos

        Além de definir quanto você pode gastar (e em quê), um plano financeiro também permite identificar as economias com antecedência. Ao analisar seu orçamento, você observa os custos anteriores e identifica se houveram custos desnecessários ao longo do caminho. E então, para o orçamento do próximo ano, você simplesmente ajusta de acordo. Esse esforço consciente faz parte do controle de gastos , a prática de manter as despesas da empresa alinhadas com suas expectativas. Assim, uma revisão trimestral ou anual quase sempre revela áreas onde você pode economizar e usar melhor os recursos.

5. Mitigação de riscos e gerenciamento de crises

        Um papel crucial do planejamento e controle financeiro é ajudar as empresas a prever e evitar os riscos, como as crises. Ele deve prever reservas para despesas extras, perdas por ineficiências, ajustes arriscados e, se possível,  recursos para reservas antecipadas. O ponto é ter planos de contingência em vigor e tentar determinar como seu roteiro muda se você crescer apenas 20% no próximo trimestre em vez de 30% (ou 50%). Não há razão para exagerar, mas você pode encontrar áreas de risco dentro do negócio e também considerar suas melhores respostas se as coisas derem errado.

6. Maior facilidade para arrecadar fundos

        Um planejamento financeiro que fale com os investidores é fundamental, e quanto melhor for seu histórico de planejamento, maior a probabilidade deles confiarem em suas projeções. Portanto, você pode buscar ou não fundos , mas um plano financeiro é sempre importante para se manter atualizado.

7. Estabelece um roteiro de crescimento

Um Planejamento Financeiro ajudará você a analisar sua situação atual e a projetar onde deseja que o negócio esteja no futuro. Isto inclui, por exemplo: os mercados em que você gostaria de estar presente, o número de funcionários que você terá, os produtos ou serviços que você espera desenvolver, entre outros.

Reserve um tempo para definir o tamanho que você espera que a empresa atinja, suas despesas com uma empresa maior e o valor da receita que será compensada. Se por um lado, você terá que pensar em mais investimentos, por outro terá mais chances de alcançar a posição desejada.

Portanto, defina essas metas de crescimento agora, e você poderá avaliar à medida que avança.

Sua empresa ainda não implementou um Planejamento e Controle Financeiro? Saiba que você pode fazer isso da melhor forma com uma consultoria especializada.Para saber mais, consulte os serviços de assessoria da FGV Jr.

Gostou desse conteúdo?

Veja como fazemos projetos com esse tema

Leave a Comment

Your email address will not be published.

Translate
Blue Friday - Descontos Imperdíveis
×